Sempre tem algumas fases da vida que fazemos mais amigos. Primeiro vem os filhos dos amigos dos nossos pais. Esses passam a fazer parte do nosso primeiro círculo social. Depois, passamos a fazer amigos na escola, na natação, no inglês e em todas as atividades extra-curriculares que frequentamos. Temos os amigos da balada, dos bares, da faculdade e até mesmo os do trabalho. Depois que casamos e temos filhos, passamos também a ter os amigos que nossos filhos trazem para nós.

É natural que queremos conhecer os pais dos amigos dos nossos filhos. As atividades somente na escola não são suficientes para gastar toda energia que as crianças têm. Por isso, sempre inventamos um jantarzinho aqui, uma comidinha ali, uma brincadeira na casa de um, na casa de outro. Duda sempre pede para que eu chame as amigas para brincarem com ela em casa. E entendo muito essa vontade dela! É importante que ela brinque com alguém da idade dela.

Devagarzinho esses novos amigos começam a fazer parte também dos nossos amigos. Passamos a gostar dos pais dos amigos que nossos filhos trazem. Passamos a nos identificar com muitos pensamentos, a desabafar nos momentos de fragilidade, a compartilhar as dificuldades com os próprios filhos. Juntos, somos confidentes sobre problemas na escola, reunião de pais, dificuldade em algumas matérias, desfralde e muitos assuntos que nunca imaginamos que um dia fariam parte da nossa vida.

Esses novos amigos entendem exatamente o que estamos passando e juntos, podemos dividir nossas angústias e compartilhar os momentos de felicidade. São com os pais dos amigos dos nossos filhos que compartilhamos a alegria de assistir à primeira apresentação na escola, a primeira vitória nos jogos de verão (e também a primeira derrota). São eles que estão ao nosso lado durante a primeira prova, a primeira mordida, os primeiros desafios dos nossos filhos. Sim, eles também se tornam nossos amigos. É com eles que estamos nas festinhas da escola e durante as saidinhas para as crianças gastarem energia. São os amigos que os filhos escolheram para nós.

 

Liz é publicitária, empresária e mãe da Maria Eduarda. Ama blog, decoração, viagens, reciclagem e festas. Apaixonada pelo marido e pelo Johnny Boy, o baby de 4 patas.